Seguidores

22 março 2019

História " O REINO DO ALFABETO"


Era uma vez um reino, onde moravam as letrinhas. Nesse reino havia um castelo muito bonito, onde morava um rei chamado Alfabeto.
Certo dia, o rei Alfabeto resolveu dar uma festa, chamou todas as letrinhas e falou:
- Caras letrinhas, amanhã darei uma grande festa em minha homenagem e todas estão convidadas, porém, as convidadas que não se comportarem na festa serão punidas. Até amanhã!
O salão do castelo foi todo enfeitado, a banda de música chegou e a mesa de comidas estava preparada. Abriu-se a porta do castelo e entraram todas as letrinhas do reino, alegres, elas dançaram, comeram e se divertiram. Mas algumas letras fizeram muita bagunça na festa, e o rei zangado, chamou todos e disse:
- As letrinhas que fizeram bagunça terão que ficar para limpar o salão, as que se comportaram podem ir para suas casas. Esse foi o primeiro castigo que foi dado as letrinhas. Mesmo ficando de castigo, as letrinhas continuaram a fazer bagunça, e só terminaram de limpar o salão no dia seguinte.
O rei então vendo que sozinhas elas não se comportavam, chamou todas as letras até seu castelo e disse:
- A partir de hoje, as letrinhas que fizeram bagunça são chamadas de Consoantes, e as que se comportaram serão chamadas de Vogais. E para punir eternamente as que não se comportam, pronuncio que de hoje em diante, para aprender a se comportarem, terão que andar ao lado das vogais. Caso eu pega alguma Consoante andando sozinha com outra Consoante, mandarei que as prendam na torre do castelo.
E assim foi feito, no reino só se via as Consoantes com as Vogais passeando e quando se encontravam elas formavam varias palavras:

PATO MACACO SAPO

História da coleção ADOLETRA modificada por Dany Gonzales para que os  alunos pudessem entender.

09 março 2019

Mensagens de Reflexão - Confie em Deus!!


Mensagens de Reflexão de Deus

Só Deus pode restaurar o que se quebrou em sua vida, só o amor de Deus pode te tirar da tristeza que sente agora e criar algo maravilhoso em sua vida. Deus é bom e misericordioso, e Ele não pede nada em troca, pede apenas que você ame e confie n'Ele.

Só Deus pode trazer paz para aquilo que lhe aconteceu no passado, só Deus pode trazer um sentido para a sua vida no presente, e esperança no futuro. Os planos de Deus para nós são muito maiores do que os nossos sonhos. Nós, com a nossa pouca sabedoria humana, não sabemos dar o devido valor àquilo que realmente importa na vida, mas Deus, às vezes a duras pedras, nos mostra o que é importante de verdade.

Quando você estiver triste, feche os olhos, fique em silêncio e se aproxime de Deus. Quando oramos, nós falamos com Deus, mas quando meditamos, permitimos que Deus fale conosco, e é preciso saber sentir as palavras de Deus em nossa vida.

Se você confia em Deus, não há o que temer! Faça a sua fé ser maior do que o seu medo.

https://www.mundodasmensagens.com/reflexao-deus/

04 março 2019

Brincadeiras para Creche e Pre Escola


1. Cauda do Dragão 
Material necessário : Nenhum.

Desenvolvimento
Todos os participantes ficam em pé, em uma fila indiana com as mãos na cintura um do outro, formando um dragão. O primeiro integrante da fila, representando a cabeça do dragão, terá como objetivo pegar o último da fila, que representará a cauda. Ao sinal do educador, o "dragão" passará a se movimentar, correndo moderadamente, sob o comando da cabeça que tentará pegar a cauda. Esta, por sua vez, fará movimentos no sentido de evitar que isso aconteça. A brincadeira continuará enquanto durar o interesse das crianças.

2. Biscoitinho queimado
Material necessário: Um brinquedo.
Desenvolvimento
O educador esconde um brinquedo qualquer (o "biscoitinho queimado"), enquanto os participantes estão de olhos fechados. Depois grita: "Biscoitinho queimado!", e os outros têm que tentar encontrá-lo. Quando uma criança chega perto do "biscoitinho queimado", o educador grita seu nome e fala: "Está quente!". Se estiver longe, ele grita "Está frio!". Quem encontrar o brinquedo primeiro ganha.

3. O carteiro
Material necessário: Nenhum.
Desenvolvimento
Os participantes ficam sentados em círculo. O educador inicia falando: "O carteiro mandou uma carta... (suspense) só pra quem está usando camiseta branca!". Todos que estiverem de camiseta branca trocam de lugar, mas não podem ir para o lugar ao lado. Quem não consegue trocar rapidamente de lugar, fica fora da brincadeira. A brincadeira prossegue com comandos variados: só pra quem estiver de cabelo solto, de cabelo preso, de anel, de relógio, de rosa, de azul... A brincadeira prossegue com a mudança do carteiro.

4. Colher corrente
Material necessário: colheres de sobremesa e caramelos.
Desenvolvimento
As crianças formam duas filas com número igual de pessoas. Elas ficam sentadas frente a frente, cada uma com uma colher de sobremesa. O primeiro da fila recebe na sua colher, presa com o cabo na boca, um caramelo, que deverá passar para a colher do vizinho. A brincadeira começa e, sob uma ordem dada pelo educador, cada um deverá passar o caramelo, com a colher na boca, para a colher do vizinho, sem ajuda das mãos, que devem ficar cruzadas nas costas. Toda vez que o caramelo cair, a criança pode recolhê-lo com a mão e continuar a brincadeira. Ganha a fileira que primeiro conseguir passar o seu caramelo de colher para colher até o final.

5. Boizinho
Material necessário: Nenhum.
Desenvolvimento
As crianças formam uma roda, segurando com bastante força as mãos umas das outras. No meio da roda deve ficar uma das crianças, que vai ser o "boizinho". O "boizinho" deve pegar o braço das crianças da roda e ir perguntando: "De quem é essa mão?" A criança deve responder falando o nome de uma fruta ou um objeto, tentando distrair os participantes. Depois de fazer a pergunta a todos, o "boizinho" deve tentar romper a roda em algum ponto e fugir. Quando foge, os outros devem tentar capturá-lo. Quem conseguir é o próximo "boizinho".

6. Tesouro perdido
Material necessário: Saquinho com balas.
Desenvolvimento
Uma criança deve ser o pirata, que vai esconder o tesouro. O tesouro é um brinde (balas, por exemplo), colocado dentro de um saquinho. Depois que o pirata esconde o tesouro, ele diz: "Vamos ajudar o pirata trapalhão?". É a senha para que as outras crianças comecem a procurar. Elas têm cinco minutos para encontrá-lo. Se não conseguirem, o pirata dá algumas pistas de onde o escondeu. Quando o tesouro é encontrado, a criança que o achou deve escondê-lo novamente. A cada rodada, novos objetos podem ser colocados no saquinho. Quem acha o tesouro pode ficar com ele ou dividir com o pirata e os outros participantes.

7. A queda do chapéu
Material necessário: Um chapéu.
Desenvolvimento
Os participantes são organizados em círculo. Cada um recebe um número. O educador se coloca no centro do círculo, segurando um chapéu. Inicia a brincadeira atirando o chapéu para o alto e chamando um número. O participante chamado deve correr e pegar o chapéu antes que ele caia no chão. Se o chapéu cair no chão, o jogador sai da brincadeira e o educador continua no centro. Se o jogador conseguir pegar o chapéu, vai para o centro do círculo e continua a brincadeira.

8. Apanhador de batatas
Material: Jornais e revistas, dois cestos de boca larga.
Desenvolvimento
Os participantes devem amassar várias folhas de jornal e revistas (serão as "batatas"). O educador deve distribuir as "batatas" em vários lugares. A um sinal do educador, os participantes, divididos em duas equipes, devem apanhar as "batatas" e colocá-las no cesto destinado ao seu grupo. Vence a equipe que apanhar o maior número de "batatas".

9. Patins engraçados
Material necessário: Várias caixas de sapato sem a tampa, fita adesiva colorida.
Desenvolvimento
As crianças ficam uma ao lado da outra na sala ou no pátio. Demarque com a fita adesiva a saída e a chegada. Distribua duas caixas de sapato para cada criança (serão os patins). Ao sinal do educador, as crianças deverão escorregar até a linha de chegada.

Fonte:
Roseli Brito
Pedagoga - Psicopedagoga - Neuroeducadora e Coach
SOS
Rua Cambuci do Vale,72
04805-110 São Paulo
Brasil

A vida é feita de caminhos...



A vida é feita de caminhos...

...caminhos que levam, caminhos que trazem sonhos, alegrias,
tristezas, amores, esperanças.
De qualquer forma, nada vem ou vai sem caminho.
O caminho é parte integrante de nossas vidas.
Antes mesmo da concepção, já buscávamos percorrer caminhos.
Nossos primeiros passos foram treinados...
...e aperfeiçoados para conquistar caminhos.
Alguns fazem bom proveito do caminho...
...outros se perdem pelo caminho.
Uns tiveram tudo para caminhar...
Outros muitas dificuldades para chegar.
Um dia, deixaremos de ser parte do caminho...
E chegaremos ao ponto final.
Certamente fomos feitos para abrir caminhos, romper barreiras, ultrapassar limites e vencer.
Deus, na sua infinita misericórdia, não nos abandonaria num deserto de incertezas.
Não nos deixaria à beira do caminho, condenando-nos a um fim sem propósitos.
Ele nos preparou um caminho que nos levará de volta para casa...
¨Eu Sou... O Caminho... A Verdade... e a Vida...¨

13 fevereiro 2019

Livro didático – e sua utilização


LIVRO DIDÁTICO – E SUA UTILIZAÇÃO


SURGIMENTO DO LIVRO DIDÁTICO E SUAS  VANTAGENS 

NA UTILIZAÇÃO DO MESMO NA ESCOLA.

Texto de autoria da Profa. Msc. Graziella Bernardi Zoboli



11 fevereiro 2019

Boas Vindas aos Professores!!


"Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou sua construção." 
Paulo Freire,)



"O aluno é como uma pequena semente que deve ser plantada e cuidada para germinar e dar bons frutos. O professor é como o agricultor que vê na semente a esperança que proverá as necessidades da sociedade.
(Luis Alves)


"A vida é feita de oportunidades, as crianças e adolescentes são a representação da vida em seu pleno esplendor. O educador quando assume o papel de mentor se transforma no caminho que conduzirá seus alunos a um futuro de possibilidades e realizações.
(Luis Alves)